sábado, 22 de setembro de 2018

PENSAMENTOS - FRASES


💝Ama-me como as flores
Amam a luz 🌼

Isabel Morais Ribeiro Fonseca







Vou caminhar sem medo
Pela estrada enquanto
As flores florirem🌹


Isabel Morais Ribeiro Fonseca






segunda-feira, 10 de setembro de 2018

MÃE 🌹



MÃE

Embala-me dentro do teu útero
Para que não sinta frio
Colhe-me nos teus braços
Abraçando-me com carinho
Tapa-me apenas com um trapo já velho
Reza um belo remendado rosário
De pétalas colhidas das mais belas rosas
Pois mãe um dia serei como tu
Quando as andorinhas chegarem
À minha janela num belo dia de Primavera
No corredor da vida e então minha mãe
Me sentirei criança a olhar para ti de novo.










MÃE

Embala-me dentro do teu útero
Para que não sinta frio
Colhe-me nos teus braços
Abraçando-me com carinho
Tapa-me apenas com um trapo já velho
Reza um belo remendado rosário
De pétalas colhidas das mais belas rosas
Pois mãe um dia serei como tu
Quando as andorinhas chegarem
À minha janela num belo dia de Primavera
No corredor da vida e então minha mãe
Me sentirei criança a olhar para ti de novo.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca



segunda-feira, 30 de julho de 2018

💘AMO TUDO EM TI



Gosto do silêncio 
Que sai da tua mão
Quando segura a minha  💘



O casamento é feito 💘
De duas pessoas perfeitas
Que nas suas imperfeições
Nunca desistem uma da outra



O casamento é feito 💘
De duas pessoas perfeitas
Que nas suas imperfeições
Nunca desistem uma da outra


💘

Isabel Morais Ribeiro Fonseca

GOSTO DO SILÊNCIO ❤



Gosto do silêncio ❤
Que sai da tua mão
Quando segura a minha



Gosto do silêncio ❤
Que sai da tua mão
Quando segura a minha


Gosto do silêncio ❤
Que sai da tua mão
Quando segura a minha

Isabel Morais Ribeiro Fonseca



terça-feira, 24 de julho de 2018

💘 ♬SOU FEITA DE SONHOS DE COMEÇOS DE RECOMEÇOS 💘 ♬



"ABRAÇOS E MIMOS"

As noites são de sofrimento
O medo rasga-me a dor no peito
Fujo dos carinhos, dos abraços, dos mimos
A desilusão rasgou a magia, do encantamento
Transformando o encantamento em desencanto
Já não sou a mesma de à trinta anos
Cresci, amadureci
Sou uma mulher madura, sofrida , vivida
Optimista, apaixonada pela vida,
A vida está cheia de belas recordações
Lindas lembranças. doces que guardarei sempre
Quantas loucuras, insanidades
Eu já fiz contigo, não há dor maior
Que a dor da desilusão
Deixa-me em pedaços e na escuridão
Num suspiro vês a morte a sorrir
Aceito o meu triste destino feito em frangalhos
Derrotada pelo sentimento do amor
já não sou a mesma cresci
Amadureci, sou mais exigente
Se me amas, se me queres corteja-me
Deseja-me como se me conhecesses hoje.



Isabel Morais Ribeiro Fonseca.

💘 ♬


segunda-feira, 16 de julho de 2018

🌷 💖 "DESILUSÕES" 🌷 🙏




🌷 💖 "DESILUSÕES"  🌷 🙏

Dizes-me meu amor
Que estou gelada e fria
Talvez, talvez
Eu apenas não consigo sentir
E dizer os meus sentidos
Sinto frio, frio, mais frio
Não consigo alcançar
A minha alma
Só consigo sentir tristeza
Quantas mentiras e memórias
Desaparecem e tornam-se verdades
Dentro do vazio da minha alma
Não pararia de correr
Mas eu sou forçada a desistir
É tão difícil, ver o meu rosto
No frio do espelho
Eu só quero saber no que me tornei
Mas, mal posso escrever estas linhas
Na parede das minhas orações
Soando como uma culpa
Ouvi e senti
Elas morrem em harmonia
Com a ganância e traição
Quero que sejas meu
E dês vida ao meu coração
Ao meu corpo frio, gelado de dor
Vivo com as memórias
Lançadas em melodias
Como eu posso fugir
Fugir desta dor sem fim


Isabel Morais Ribeiro Fonseca

🌷 🙏